Os novos jogadores do Cavaliers: Rodney Hood

Texto Traduzido do site FearTheSword

hood

Em Rodney Hood, Cleveland adquiriu um ala de 25 anos em seu último ano de seu primeiro contrato (rookie contract). Hood está em sua melhor temporada ofensiva da carreira. Ele é um entre apenas 32 jogadores pontuando pelo menos 3 pontos a cada 100 posses de bola e com um True Shooting percentage de 55.1% que fica próximo a média da liga (55.6%) pela primeira vez em sua carreira. 

 

Ele foi titular em apenas 12 jogos pelo Utah nessa temporada (apenas um desde o Natal). Enquanto Love não volta, Cleveland terá que tomar uma decisão se ele será titular no lugar que era de Crowder ou irá começar com Green ou Cedi Osman fazendo essa função, ou até utilizar um outro jogador recém chegado, como Larry Nance. 

 

Ataque

Hood ainda é um jogador ofensivo que tem claros pontos fortes mas também tem claras deficiências ofensivas. Ele vem o melhor de sua carreira dos três pontos (39%) com 6.7 tentativas por jogo – após chutar 37% temporada passada – e essa temporada ele vem demonstrando muita versatilidade em seu arremesso:

Ele está chutando 38.4% em bolas de três que recebe e arremessa (sem driblar) e 41% em bolas de três livre de marcação.

Hood também faz parte daquele grupo que LeBron James também está. Aqueles que chutam melhor de três vindo de um drible do que pegando e arremessando sem driblar. Hood vem chutando de três 39.1% saindo de um drible, uma melhora gigante em relação à sua carreira que até antes dessa temporada tinha 32% nesse tipo de arremesso.

Hood porém prefere chutar saindo do drible de média distância do que de três pontos. Ele tem aproveitando de 38.2% de média distância, 44% de seus arremessos são feitos de média distância. Algumas vezes ele tem dificuldade nesses arremessos, mas em tantas outras ele mostrou criatividade em conseguir bons arremessos de média distância, especialmente saindo do corta luz.

Essa habilidade de utilizar o corta luz pode ajudar a segunda unidade de imediato ou quando Love voltar. Ele é confortável com a bola nas mãos dele, no Jazz ele controlava a posse de bola em 27% das ocasiões.

Apesar de seu tamanho e sua capacidade atlética, Hood raramente tenta arremessos lá embaixo-apenas 11% de suas tentativas vieram de debaixo do aro. Quando ele tenta infiltração normalmente ele gosta de ir pra direita para no último momento fazer um corte para a esquerda e fazer a bandeja com essa mão.

Sua aversão com a mão direita e sua dificuldade em bandeja com contato deixa seu aproveitamento embaixo da cesta de apenas 57%. Ano passado ele teve 55% nesse tipo de arremesso.

Assim como as outras aquisições da equipe, Hood tem como melhor habilidade as bolas em transição. Ele faz 1.28 pontos por posse em transição, estando na 33º posição entre todos jogadores com pelo menos 50 tentativas, 12% de seus pontos acontecem dessa forma.

 

Defesa

Hood tem altos e baixos na defesa, mas definitivamente com sua capacidade atlética poderia ser ainda melhor nessa parte da quadra. Sua quantidade baixa de tocos e privadas de bola é abaixo da média para sua posição, e ele raramente comete faltas.

Esse ano o Jazz era 5.7 pontos por 100 posses de bola melhor defensivamente com ele fora de quadra, porém temporada passada eles foram 1.7 pontos / 100 posses melhor com ele em quadra. Muitas vezes Hood fica olhando o homem da bola e esquece o jogador que ele está marcando. Assista abaixo um exemplo nessa bola do Klay Thompson e Iguodala:

Nunca porém faltou esforço defensivo para ele. Nesse exemplo abaixo, Hood luta para sair de um corta luz contra JJ Reddick, ajuda fora da bola e ainda contesta o arremesso de três de Reddick.

Hood tem o potencial atlético para se tornar um excelente defensor. Cavs pode ter esperança que seu tamanho possa ajudar a equipe nesse lado da quadra.

 

Conclusão geral

A melhora de Hood nos arremessos essa temporada terá certamente um valor muito alto. Ele é um jogador que consegue controlar a bola e isso pode ser muito importante na segunda unidade. Se ele vai ou não conseguir utilizar sua capacidade atlética para ser um bom defensor será a diferença entre ele ser apenas mais um bom role player com ele ser o principal jogador vindo do banco.


Texto escrito por Mike Zavagno (Twitter:@mzavagno11) para o site FearTheSword

Pós-Jogo: Cleveland Cavaliers 120 x 112 Oklahoma City Thunder

Cleveland Cavaliers v Oklahoma City Thunder

Após uma bela estreia do nosso “novo” Cleveland Cavaliers em Boston, a equipe conseguiu mais uma bela vitória, dessa vez em OKC, contra o time que semanas antes nos humilhou dentro da Q-Arena. O jogo foi bem equilibrado e divertido de se assistir, com o Cavs liderando a maior parte do tempo.

LeBron teve um terceiro quarto quase perfeito, anotando 17 (7-10FG) dos seus 37 pontos. Em alguns momentos do último quarto, o jogo se tornou um pouco  perigoso, mas faltando alguns segundos pro fim, JR Smith protagonizou uma jogada sensacional. Ele salvou uma bola que sairia no fundo da quadra de defesa do Cavs, fazendo um passe de QB para a quadra ofensiva, a bola encontrou Larry Nance Jr. (que também fez uma ótima partida) que foi pra enterrada, praticamente sacramentando a nossa 4ª vitória consecutiva, na última partida antes do All-Star break.

Destaques da partida:

  • LeBron James: 37 pontos, 8 rebotes, 8 assistências.
  • JR Smith: 18 pontos (6-9 3PT), 6 rebotes, 3 assistências.
  • Jordan Clarkson: 14 pontos, 3 rebotes, 4 assistências.
  • Larry Nance Jr.: 13 pontos, 9 rebotes (8 ofensivos).
  • Rodney Hood: 14 pontos (4-8 3PT)
  • Jeff Green: 10 pontos, 4 rebotes.

FOTOS DA PARTIDA

  • PRÓXIMO JOGO:
  • Vs Wizards, em Cleveland. 22/02 22h.

 

 

Pré-Jogo: Cleveland Cavaliers (33-22) X (32-25) Oklahoma City Thunder

okc_01

Local: Chesapeake Energy Arena, Oklahoma City

Horário: 23h (Brasília)

Transmissão: NBA League Pass e SporTV.

Após uma grande vitória no último domingo, em Boston, na estreia de nossos novos jogadores, os Cavs vão até Oklahoma City, para a última partida antes do All-Star break.

Cleveland Cavaliers:

  • #3 – George Hill
  • #5 – JR Smith
  • #16 – Cedi Osman
  • #23 – LeBron James
  • #13 – Tristan Thompson

Ausentes: Kevin Love (mão esquerda – fratura)

Oklahoma City Thunder:

  • #0 – Russel Westbrook (dúvida)
  • #34 – Josh Huestis
  • #13 – Paul George
  • #7- Carmelo Anthony (dúvida)
  • #12 – Steven Adams

Ausentes: Andre Roberson (ruptura no tendão patelar esquerdo).

Pós Jogo: Cleveland Cavaliers 88 x 122 Houston Rockets

3851

Novamente o Cleveland constrangeu os torcedores presentes na Q-Loans Arena e a torcida que acompanha o time ao redor do mundo. Outra atuação pífia, desinteressada, desorganizada e sem a menor tentativa de mudar o rumo do jogo. O Rockets passeou e atropelou a equipe de Ohio, liderando durante toda a partida e vencendo todos os quartos. Agora a expectativa fica pela Trade Deadline, dia oito de fevereiro, para ver como o front office do time vai agir para agregar valor e tentar mudar o rumo do basquete que os Cavaliers vêm apresentando.

DESTAQUES DA PARTIDA:

LeBron James: 11 pontos, 9 rebotes, 9 assistências.

STATS DA EQUIPE (CLE vs HOU):
Pontos: 88 vs 120
FG%: 39% vs 47%
3P%: 26% vs 37%
FT%: 75% vs 81%
Assistências: 22 vs 28
Rebotes: 47 vs 53
Turnovers: 11 vs 8

1Q: Cavs 20 vs 32 Rockets
2Q: Cavs 19 vs 33 Rockets
3Q: Cavs 30 vs 32 Rockets
4Q: Cavs 23 vs 19 Rockets

FOTOS DA PARTIDA

PRÓXIMO JOGO:
Será contra o Orlando Magic em Orlando. (06/02 às 22h)

Pré-Jogo: Cleveland Cavaliers (30-20) x (37-13) Houston Rockets

houston_02

Local: Quicken Loans Arena, Cleveland (Ohio)

Horário: 23h30m (Brasília)

Transmissão: NBA League Pass, ESPN

Após reencontrar a vitória no último jogo, mesmo sem ainda apresentar o melhor basquete, o Cleveland receberá na noite deste sábado o Houston Rockets de James Harden e cia. Será um teste difícil em que o Cleveland terá que jogar muito mais do que vem jogando, nos dois lados da quadra, e LeBron terá que voltar ao seu nível habitual de excelência. A ausência de Kevin Love, que ficará fora de jogo por aproximadamente oito semanas, fará com que Lue tenha que encontrar novas rotações e testar um novo quinteto titular.  É uma ótima oportunidade para os Cavs mostrarem porque ainda são os favoritos do Leste vencendo um dos principais contenders da temporada.

CLEVELAND CAVALIERS:

3. Isaiah Thomas
5. JR. Smith
23. LeBron James
99. Jae Crowder
13. Tristan Thompson

Ausentes: Kevin Love (mão esquerda – fratura).

HOUSTON ROCKETS:

13. James Harden
3. Chris Paul
33. Ryan Anderson
12. Luc Mbah a Moute
15. Clint Capela

Ausentes: Eric Gordon (Costas – Questionável), Trevor Ariza (fora).

Pós-jogo: Cleveland Cavaliers 114 X 125 Detroit Pistons

cavsbrasil1

Após uma vitória contra os Pistons em casa, fomos visitá-los em Detroit, mas dessa vez o resultado foi diferente, mesmo com os donos da casa muito desfalcados (jogadores envolvidos na trade não participaram, assim como Blake Griffin e o armador Reggie Jackson).

Depois de um início de jogo muito fraco, e com muitos turnovers, a equipe conseguiu se recuperar, fazendo um ótimo segundo quarto (36×26) e levando uma pequena vantagem para o intervalo. Porém, no terceiro quarto a equipe entrou desligada, como sempre, e os Pistons passaram e se mantiveram a frente até o fim. A equipe de Ohio ainda ensaiou uma reação, mas os turnovers cometidos no fim nos custaram a vigésima derrota na temporada.

  • Destaques:
  • LeBron James – 21 pontos, 6 rebotes, 7 assistências.
  • Isaiah Thomas – 19 pontos, 5 assistências.
  • Dwayne Wade – 18 pontos, 8 rebotes, 5 assistências.
  • Channing Frye – 20 pontos, 6 rebotes.
  • Tristan Thompson – 8 pontos, 10 rebotes.
  • Kyle Korver – 10 pontos.

Próxima partida:

Vs Heat, Quarta-feira, 22:30 (Brasília).

Fotos da partida

PRÉ-JOGO: MIAMI HEAT vs. CLEVELAND CAVALIERS

heat_01

Local: Quicken Loans Arena, Cleveland
Horário: 22h30 (Brasília)
Transmissão: League Pass

CLEVELAND CAVALIERS
03. Isaiah Thomas
05. JR Smith
23. LeBron James
99. Jae Crowder
13. Tristan Thompson

Desfalques: Kevin Love

MIAMI HEAT

21. Hassan Whiteside
16. James Johnson
0. Josh Richardson
8. Tyler Johnson
7. Goran Dragic

Desfalques: Dion Waiters, Okaro White, Rodney McGruder

Pós jogo: Cleveland Cavaliers 121 X 104 Detroit Pistons

img_4602

Estávamos precisando de um jogo assim. Uma partida onde jogamos bem a maior parte do tempo, tendo jogado mal apenas o segundo quarto. Tivemos um último quarto fantástico, incluindo defensivamente, onde tomamos apenas 17 pontos no quarto.

No ataque foi muito bom ver a equipe utilizando uma formação com LeBron James como armador e chutadores ao seu lado, equipe sempre acaba se dando bem com formações desse tipo. Também foi muito bom ver que no final do terceiro quarto, quando LeBron foi descansar, Isaiah Thomas conseguiu liderar muito bem a equipe em quadra, tendo uma sequência muito boa de pontos.

Destaques:

LeBron James – 25 pontos, 8 rebotes e 14 assistências

Kevin Love – 20 pontos e 11 rebotes

JR Smith – 15 pontos

Isaiah Thomas – 14 pontos e 7 assistências

Próxima partida: 

Em Detroit, terça feira, as 23h

Pré jogo: Cleveland Cavaliers (28-19 ) X (22-25) Detroit Pistons

pistons_02Local: Quicken Loans Arena, Cleveland
Horário: 21h (Brasília)
Transmissão: League Pass e SPORTV

CLEVELAND CAVALIERS
03. Isaiah Thomas
05. JR Smith
23. LeBron James
00. Kevin Love
13. Tristan Thompson

Desfalques: Wade está fora

PISTONS
09. Langston Galloway
22. Avery Bradley
34. Tobias Harris
07. Stanley Johnson
0.   Andre Drummond

Desfalques: Jon Leuer e Reggie Jackson

Pré jogo: Cleveland Cavaliers (27-17) X (25-20) Oklahoma City Thunder

okc_02

Local: Quicken Loans Arena, Cleveland
Horário: 18h30 (Brasília)
Transmissão: League Pass e ESPN

CLEVELAND CAVALIERS
03. Isaiah Thomas
05. JR Smith
23. LeBron James
00. Kevin Love
99. Jae Crowder

Desfalques: Iman Shumpert

OKC
0.   Russel Westbrook
21. Andre Roberson
07. Carmelo Anthony
13. Paul George
12. Steve Adams

Desfalques: —-